sábado, 15 de outubro de 2011

Freya, Deusa do Amor.

Hoje comemorava-se, nos países nórdicos, a Deusa do amor e da magia, Freya ou Freyja. Ela era a matriarca ancestral do grupo de divindades Vanir. E como dirigente, Freyja assumiu muitas tarefas.

A mitologia nórdica, também chamada de germânica, viking ou escandinava é uma coleção de crenças e histórias compartilhadas por tribos do norte da Germânia (atual Alemanha). Ela se baseia em atos, gestos e ritos em torno dos deuses. E são três os "clãs" de divindades: os Æsir, deuses maiores; os Vanir, deuses menores; e os Iotnar, gigantes. O dualismo que existe nessa mitologia não é o mal contra o bem, mas a ordem contra o caos. Os deuses representam a ordem e a estrutura, visto que os gigantes e os monstros representam o caos e a desordem.

Freya era uma Deusa de múltiplos atributos. Era representada como uma linda mulher vestida com um manto de peles de gato. Também usava penas de cisne e jóias de ouro e âmbar. Tinha uma carruagem dourada puxada por quatro gatos.

3 comentários:

  1. Vera do sullllllll15 de outubro de 2011 14:46

    Olá!
    Linda esta deusa..... sou eu?!?!?!? rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Por isso é que a sexta-feira em inglês se chama Friday (vem de Freya), assim como viernes em espanhol, vendredi em francês e venerdi em italiano vem de Vénus - Deusa grega do Amor e da Beleza :D

    Beijinhos :) *****

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Vera... quem sabes?
    Laranja... sábias observações!
    Um beijo de boa semana pra vcs!

    ResponderExcluir

As 3+ visitadas da última semana