segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Zorya, Deusa das Estrelas.

Hoje celebra-se a Deusa Tríplice das Estrelas, Zorya, venerada na Rússia. Pode ser descrita como as três irmãs: a Zorya da estrela da Manhã, a da estrela da Tarde e a da estrela da Meia-noite.

A da estrela da Manhã abre os portões do Céu para a carruagem com o deus Sol passar. Ela vem montada num cavalo e vestida como um bravo guerreiro.

A estrela da Tarde abre as portas do Céu quando o Sol retorna.

E é nos braços da estrela da Meia-noite que o Sol morre todos os dias antes de ser lançado de volta à vida para ela.

São como guardiãs do mundo e cuidam para que o cão preso à Constelação da Ursa Menor, não quebre sua corrente e devore as estrelas. Se ele se soltar pode acabar com o universo, acontecendo o Juízo Final.

Zorya é uma deusa associada com a morte, o renascimento, a magia e a sabedoria.

Na mitologia eslava, também é a Deusa da Aurora, uma grande guerreira que nasceu armada para dissipar as forças da noite.

Geralmente as deusas guerreiras são representadas vestindo uma armadura flamejante ou coberta de ouro, prata e jóias.

4 comentários:

  1. Para o sol passar...
    Hoje é dia do niver do meu pai, caso ele estivesse vivo. Que as deusas falem com ele e o deixem chegar cheio de bons fluidos por aqui.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Eliane.
    Salve o aniversariante, onde estiver!
    E que os raios deste Sol a abençoe!!!
    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  3. P/ Geraldo (GEN) = Que eu tenha estrela, e que ela brilhe para mim! Sempre!...

    ResponderExcluir
  4. Na verdade só existem duas Zoryas, a Zorya Utrennyaya (Estrela da Manhã) e Zorya Verchenyaya (Estrela da Tarde). Digamos que a estrela da meia-noite foi inventada por Neil Gaiman para seu romance "Deuses Americanos".

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...