domingo, 25 de maio de 2014

Papa Francisco na Terra Santa.


Papa Francisco, em sua visita à Terra Santa, pediu a palestinos e israelenses que iniciem "êxodo" rumo à paz para pôr fim ao sofrimento que castiga a região há décadas.

Em suas palavras: "Encorajo os povos palestino e israelense, assim como suas respectivas autoridades, a empreender este feliz êxodo rumo à paz com a coragem e a firmeza necessária para todo êxodo."

São três dias de viagem onde visita Amã, capital da Jordânia, Belém e Jerusalém. Entre os lugares escolhidos para visitar está a gruta onde Jesus Cristo teria nascido e a Basílica do Santo Sepulcro, onde se acredita que ele foi crucificado.

No seu primeiro discurso, quando chegou à Jordânia, disse: "A liberdade religiosa é um direito fundamental e eu não posso deixar de manifestar a minha esperança de que seja mantida em todo o Oriente Médio. Isso inclui a liberdade individual e coletiva de seguir sua própria consciência em matéria religiosa, ou seja, a liberdade de culto, a liberdade de escolher a religião que acreditamos ser verdadeira e de manifestar publicamente sua própria fé.

Peço às autoridades do reino jordaniano que perseverem em seus esforços para buscar uma paz duradoura em toda a região. Este grande objetivo necessita urgentemente de uma solução pacífica para a crise na Síria, assim como de uma solução para o conflito entre palestinos e israelenses.

Este país acolhe generosamente uma grande quantidade de refugiados palestinos, iraquianos e de outras regiões em crise, principalmente da vizinha Síria, destruída por um conflito que já dura muito tempo. Esta acolhida merece reconhecimento e a ajuda da comunidade internacional."

O Papa Francisco também agradeceu o rei Abdullah por estimular a convivência pacífica entre as diferentes religiões. Mais de 90% da população da Jordânia é muçulmana. A redução dos cristãos na região, vítimas de perseguição, é uma grande preocupação do Papa e ele espera que a sua visita possa encorajá-los a permanecer na Terra Santa.

Fonte: O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...